Harpa Cristã – Letra dos Hinos de 201 a 300

 

201: A DECISÃO
K.
1
Oh! Dia alegre! Eu abracei
Jesus, e nEle salvação!
O gozo deste coração
Eu mais e mais publicarei.
Coro
Dia feliz! Dia feliz!
Quando em Jesus me satisfiz!
Jesus me ensina a vigiar.
E confiante nEle, orar,
Dia feliz! Dia feliz!
Quando em Jesus me satisfiz!
2
Completa a grande transação,
Jesus é meu, eu do Senhor!
Chamou-me a voz do Seu amor;
Cedi à imensa atração.
3
Descansa, ó alma! O Salvador
E teu sustento, o pão dos céus;
E quem possui o eterno Deus,
Resiste a todo o tentador.
4
Meu sacro voto, excelso Deus,
De dia em dia afirmarei!
E além da morte exultarei,
Teu filho e súdito dos céus.
.
.
202: LUGAR DE DELÍCIAS
L.V.F.
1
Junto ao trono de Deus preparado
Há, cristão, um lugar para ti;
Há perfumes, há gozo exaltado.
Há delicias profusas ali;
Sim, ali; sim, ali,
De Seus anjos fiéis rodeado,
Numa esfera de glória e de luz,
Junto a Deus nos espera Jesus.
2
Os encantos da terra não podem
Dar idéia do gozo dali;
Se na terra os prazeres acodem,
São prazeres que acabam-se aqui;
Mas ali, mal ali
As venturas eternas concorrem
Co’a existência perpétua da luz,
A tornar-nos felizes com Jesus.
3
Conservemos em nossa lembrança,
As riquezas do lindo país,
E guardemos conosco a esperança,
De uma vida melhor, mais feliz;
Pois dali, pois dali
Uma voz verdadeira não cansa
De oferecer-nos do reino da luz,
O amor protetor de Jesus.
4
Se quisermos gozar da ventura
Que no belo país haverá,
É somente pedir da alma pura,
Que de graça Jesus nos dará.
Pois dali, pois dali
Todo cheio de amor, da ternura,
Desse amor que mostrou-nos na cruz,
Nos escuta, nos ouve Jesus.
.
.
203: DEIXAI AS ILUSÕES
H.E.N. (J.T.Benson)
1
O mundo de ilusão deixei,
A senda de pecado e dor,
Pra ir ao meu glorioso lar;
Ali há gozo, paz e amor.
Coro
No mundo não está meu lar,
Aqui não posso descansar;
Mas quero sempre avançar:
No céu em breve hei de entrar.
2
Alguns procuram m’impedir,
Na senda gloriosa andar,
Mas quero sempre avançar,
Até no lar poder entrar.
3
Amigo que no mundo estás,
Não queres me acompanhar,
À terra do eterno amor?
Jesus deseja te livrar.
.
.
204: O PEREGRINO NA TERRA
P.L.M.
1
Sou peregrino na terra
E longe estou do meu lar,
Mlnh’alma anelante espera
Que Cristo a venha buscar;
Aqui só há descrença,
As lutas não têm fim,
Mas de Jesus, a presença,
Glória será para mim!
Coro
No céu de luz vou descansar,
Com meu Jesus hei de morar.
2
Em Cristo tendo já crido,
Só pela fé viverei,
Pois Deus me tem prometido,
Que no céu descansarei!
Eu tenho permanente
O bom Consolador,
Guiando-me brandamente
À fonte viva de amor.
3
Embora às vezes o crente
As dores sofra da cruz,
Gozo terá permanente,
Quando no céu vir Jesus
De glória coroado
No trono divina!,
Por anjos sempre louvado,
Num coro celestial.
.
.
205: GRAÇA, GRAÇA
P.L.M. (H.C.Ball)
1
A graça de Deus revelada
Em Cristo Jesus, meu Senhor,
Ao mundo perdido é dada
Por Deus d’infinito favor.
Coro
Graça, graça,
A mim basta a graça de Deus: Jesus;
Graça, graça,
A graça eu achei em Jesus.
2
A graça de Deus é mais doce,
Do que bens terrestres daqui;
Em gozo meu choro tornou-se
Correndo Sua graça pra mim.
3
Mate alta que nuvens celestes,
Mais funda que profundo mar,
A fonte da vida fizeste,
Na qual nos podemos fartar.
4
A graça de Deus hoje prova
Tu que vives na perdição,
Pois Ele te salva, renova,
Também limpa teu coração.
.
.
206: O CLARIM NOS ALERTA
P.L.M. (R.H. Cornelius)
1
O clarim já nos alerta,
Nosso coração desperta,
Pois a vinda é bem certa de Jesus;
De mil anjos rodeado,
Para o crente preparado,
Cristo volta coroado. Aleluia!
Coro
Ó irmão por Deus liberto,
Pelo sangue estás coberto;
Tens o teu perdão bem certo, salvo estás;
Voz de júbilo ouviremos
E no céu nós cantaremos,
Cristo breve nós veremos. Aleluia!
2
Lá nas bodas do Cordeiro,
Sentaremos prazenteiros;
Oh! Que gozo verdadeiro com Jesus!
Pois no céu não há mais pranto,
Eis que tudo será canto;
Cristo vem buscar os santos.Aleluia!
3
Sim à mesa sentaremos,
E com Cristo cearemos;
Quão felizes nós seremos com Jesus!
Para sempre gozaremos,
E com Cristo reinaremos,
Sua glória fruiremos. Aleluia!
.
.
207: JERUSALÉM DIVINA
P.L.M. (W.H.Doane)
1
Jerusalém divina
Visão de paz ditosa,
De Cristo, santa esposa,
Radiante de esplendor;
Tens fontes cristalinas,
São vivos teus altares
E os anjos, aos milhares,
Te cingem ao redor.
2
Mansão do Rei bendito,
São doze tuas portas
Que sempre são transpostas
Por seres imortais;
Teus livros têm escritos
Os nomes dos remidos;
Em ti, serão ouvidos
Os hinos celestiais.
3
Teus Santos moradores,
Um glorioso canto
Proferem ao Deus santo
Que já lhes perdoou;
Entoam mil louvores
A Cristo, qual cordeiro,
Que manso, num madeiro
Por eles se imolou!
4
Ao mesmo Cristo amemos,
Ao mesmo Deus temamos,
Nós que por fé andamos,
Levando a Sua cruz;
E prontos fruiremos,
Os teus umbrais passados,
Mil gozos preparados,
Na glória, com Jesus!
.
.
208: VEM A CRISTO
P.L.M. (M.A.Steele)
1
Hoje queres te entregar p’ra Jesus Cristo,
Ó cansado e triste pecador?
Para aquele, que, no Gólgota. foi visto
Padecendo nossa culpa, nossa dor?
Coro
Vem a Cristo, vem a Cristo,
Que te chama com amor celestial;
Vem a Cristo, vem a Cristo,
Pois Jesus é o rochedo divinal.
2
Hoje queres obter a liberdade,
Que se encontra no Senhor Jesus
Receber no coração a santidade,
Pelo sangue derramado lá na cruz?
3
Hoje queres desfrutar a paz divina,
Que no mundo não se pode achar?
Vem a Crista, que te salva, que te ensina,
Onde podes esta paz do céu gozar!
4
Hoje queres renunciar o bem terreno
Crendo em Cristo, o grande Salvador?
Queres vir após o meigo Nazareno,
Vê-Lo um dia lá no céu de resplendor?
.
.
209: A VOZ DO BOM PASTOR
P.L.M. (W.A.Ogden)
1
Escuta a voz do bom Pastor
Em esplendorosa solidão,
Chama ao cordeiro que em temor
Vaga na densa escuridão.
Coro
Hoje vem a Jesus,
Ao bondoso Salvador,
Receber Sua luz.
Vem a Cristo, o bom Pastor.
2
Quem ajudar quer a Jesus,
Os pecadores procurar,
Vá espalhar a Sua luz,
O Evangelho proclamar.
3
Triste deserto o mundo é,
Cercado de perigos mil;
Vem, chama Cristo, vem com fé,
Vem para dentro do redil.
4
Escuta hoje, o bom Pastor,
Vem no aprisco te abrigar,
Foge do lobo enganador,
Pois ele quer te devorar.
.
.
210: FALA, FALA, SENHOR
***
1
Fala, fala, Senhor, nesta hora,
Que ansioso te quero ouvir;
Teu falar dá valor e restaura,
E mais sábio me faz no porvir.
Coro
Oh! Bendito o Teu nome em eterno,
Que Tu falas a quem escutar,
De saúde e repouso superno,
De alegria e paz eternal.
2
Fala, fala, Senhor, que conservo
Tuas palavras de vida e vigor;
Estou pronto a seguir-Te com zelo,
Pelas Tuas veredas de amor.
3
Fala, fala, Senhor, que eu ouço
Tuas palavras com todo fervor,
Pois conduzem ao eterno repouso,
São conselhos mui ricos de amor.
.
.
211: VEM A DEUS
P.L.M. (C.C.Case)
1
Vem, enquanto Deus te chama
E tu sentes Seu amor,
Pois do céu poder derrama
Pra salvar o pecador!
Coro
Vem a Deus, a Jesus, entregar teu coração;
E terás Sua luz… A perfeita salvação!
2
Se da vida tens o fardo
E tu’alma triste está,
Crê em Deus, não sejas tardo,
Que Jesus te salvará!
3
Neste mundo vais andando,
Sem tranqüilidade e paz;
- Volta a Deus, mas confiando,
E feliz então serás.
4
Vem a Cristo, que te espera,
Não demores, pecador!
Nos Seus braços Deus quisera
Receber-te com amor!
.
.
212: OS GUERREIROS SE PREPARAM
P.L.M. (C.Austin Miles)
1
Os guerreiros se preparam para a grande luta
E Jesus, o Capitão, que avante os levará.
A mílicia dos remidos marcha impoluta;
Certa que vitória alcançará!
Coro
Eu quero estar com Cristo,
Onde a luta se travar,
No lance imprevisto
Na frente m’encontrar.
Até que O possa ver na gI6rla,
Se alegrando da vitória,
Onde Deus vai me coroar!
2
Eis os batalhões de Cristo prosseguindo avante,
Não os vês com que valor combatem contra o mal?
Podes tu ficar dormindo, mesmo vacilante,
Quando atacam outros a Belial?
3
Dá-te pressa, não vaciles, hoje Deus te chama
Para vires pelejar ao lado do Senhor;
Entra na batalha onde mais o fogo inflama,
E peleja contra o vil tentador!
4
A peleja é tremenda, torna-se renhida,
Mas são poucos os soldados para batalhar;
Ó vem libertar as pobres almas oprimidas
De quem furioso, as quer tragar!
.
.
213: SOBRE ATERRA VOU ANDANDO
***
1
Sobre a terra vou andando,
Bem alegre para o céu,
Satisfeito e salmodiando
Ao bondoso Deus;
Com ferozes inimigos
Pelejando sempre estou,
Mas conservo paz comigo,
Pois amado sou.
2
Meu Pastor é Pai celeste,
Que me guia pra Sião
Pelos vales e mui prestes,
Com segura mão;
Nos perigos da viagem,
Nas angústias e na dor,
Sua voz me diz: Coragem,
Sou teu Salvador.
3
Com Jesus eu trabalhando,
Persevero em oração;
Seu saber com fé buscando
Pra tornar-me são.
Que prazer incomparável
Ser guiado por Jesus.
Sim, por Cristo tão amável,
Na perene luz.
4
Ao chegar-se nessa pátria
Todos prantos cessarão.
Já o sol divino raia,
Na feliz mansão.
Males, lutas e agonias,
Acabaram-se aqui;
Cristo vem, oh! Que alegria
Vamos ter ali!
.
.
214: DESEJAMOS IR LÁ
E.C. (J.B.Vaughan)
1
Nosso Redentor foi preparar
Um lugar de repouso e esplendor;
Brevemente chamará para a casa a descansar,
Nós, os salvos, do mundo enganador.
Coro
Desejamos Ir lá,
Desejamos Ir lá;
Que alegria será,
Quando nós nos encontrarmos lá.
2
Nesta terra tesouros não há,
Que nos possam aqui segurar;
Desejamos ir ao céu onde Cristo já está,
Ao lugar onde iremos descansar.
3
Neste lar com Jesus, o Senhor,
Nós havemos de sempre reinar.
Vamos nós ali cantar, novos hinos de louvor
Ao Cordeiro que veio nos salvar.
.
.
215: VER-NOS-EMOS
P.L.M. (H.C.Ball)
1
Neste mundo a vera Igreja,
Peregrina vai andar,
Anelando que esteja
No seu verdadeiro lar.
Coro
Ver-nos-emos, ver-nos-emos,
Ver-nos-emos na terra divinal;
Ver-nos-emos, ver-nos-emos,
Ver-nos-emos junto ao rio sem igual.
2
Nada aqui é permanente,
Tudo tem que terminar,
Mas olhamos para a frente,
Para o nosso eterno lar.
3
Os remidos cá enterram
Seus amados ao morrer,
Mas um dia, sim, esperam
Que no céu os hão de ver.
4
Com Jesus, o Rei, nos ares,
Breve havemos nós de estar,
E com anjos, aos milhares,
Sua glória contemplar.
.
.
216: LOUVAI A DEUS
H.M.W. (J.E.Hall)
1
Louvai a Deus, com júbilo, cantando,
E Seu amor ao mundo anunciai!
De Cristo. as glórias, juntos celebrando;
Do Salvador, a fama publicai.
Coro
Os prodfgios cantaremos
De Jesus, o Redentor;
Força, vida, bens daremos
P’ra falar do Seu amor!
2
Louvei a Deus. Senhor onipotente,
A quem devemos nossa salvação,
Que habita os céus, porém, aqui presente.
Seguros, guia os Seus por Sua mão!
3
Louvai a Deus e alegres, adorai-O;
Mil graças demos por Seu grande amor;
Com a celeste multidão louvei-O,
Deus, sempiterno e nosso Redentor.
.
.
217: OUVE SUA VOZ
P.L.M.
1
Cristo com voz amorosa
Chama-te pra Sua luz,
Torna tua alma ditosa
Se carregares a cruz.
Coro
Ouve Sua voz a chamar!
Cristo te quer libertar;
Fala com voz amorosa:
“Paz hoje quero te dar”.
2
Por que voltar não procuras,
Do mau caminho em que estás?
No fim do qual amarguras,
E eterna dor sofrerás.
3
Mui breve irás encontrar-te
Perante a morte, que atroz
Vai, sem piedade, levar-te
Onde não ouças Sua voz!
4
Ouve Sua voz amorosa
Como persiste. a chamar;
Com Sua mão poderosa
Cristo te quer libertar.
.
.
218: DÁ TEU FARDO A JESUS
P.L.M. (Chas. H. Gabriel)
1
Só em Jesus, queres tu descansar?
Dá teu fardo a Jesus.
Paz e socorro não podes achar?
Dá teu fardo a Jesus.
Coro
Dá teu fardo a Jesus,
As trevas fará em luz.
Em Cristo um abrigo, terás no perigo,
Ó, dá teu fardo a Jesus.
2
Paz redentora tu’alma terá,
Dá teu fardo a Jesus.
E de inquietudes te libertará.
Dá teu fardo a Jesus.
3
Das grandes lutas não queiras fugir,
Dá teu fardo a Jesus.
Se santo gozo não podes fruir,
Dá teu fardo a Jesus.
4
Males te assaltam aos mil, pecador?
Dá teu fardo a Jesus.
Vais já cansado de penas e de dor?
Dá teu fardo a Jesus.
5
Cristo virá dissipar teu temor,
Dá teu fardo a Jesus.
Pois, aos Seus santos, dá sempre vigor,
Dá teu fardo a Jesus.
.
.
219: O AMOR DO CRIADOR
P.L.M.
1
Os raios do amor de Deus,
Brilharam na minh’alma,
E o fim eu vi dos dias meus,
Também Um que me salva;
Eu tenho já do céu a luz.
Das trevas fui liberto,
Agora Cristo me conduz
Nas plagas do deserto!
Coro
O Teu amor, ó Criador,
Se revelou ali na cruz.
Quando expirou em meu lugar
Quem me salvou: – o meu Jesus.
2
Ao meu Jesus darei louvor,
Pois hoje compreendo,
Que o amor do grande Redentor,
Vai tudo me provendo;
Já dantes desta criação
Jesus me preparava
A mais perfeita salvação;
Oh! Quanto a mim amava!
3
O dom precioso de Jesus,
Oh! Deus, me revelaste!
E Teu amor, celeste luz,
Em mim Tu derramaste!
Quem medirá o amor de Deus,
Tão santo, insondável,
O qual enche os mais altos céus;
Amor inesgotável!
.
.
220: IDE SEGAR
P.L.M. (J.H.May)
1
Para os campos a segar,
Eis o trigo a lourejar,
Ide ceifar, ide segar;
Todo dia trabalhai
E só de Jesus falai;
Ide ceifar, ide pregar!
Coro
Ide segar, ide ceifar!
Sim, trabalhai, e proclamai!
Eis que o amor do Salvador
Vos impele ao Seu labor
Sem demorar, ide segar.
2
Para o vale, monte ou mar,
O Senhor vos quer mandar
A proclamar, anunciar;
Os perdidos procurar,
Pois Jesus os quer salvar;
Ide falar, e proclamar!
3
Falaremos com fervor,.
Do poder do Salvador,
Ao pecador, ao sof redor;
Pronto chegará o fim,
Soará do céu o clarim,
Tereis, então, o galardão.
.
.
221: OPERA EM MIM!
P.L.M. (Theodore E.Perkins)
1
Eis-me a Teus pés, Senhor, opera em mim!
Espero mais vigor, opera em mim!
Eu gozo vou fruir, se Tua lei cumprir:
O dá-me Teu amor: opera em mim!
2
Sedento, com ardor, opera em mim!
Te peço mais amor, opera em mim!
Tu só me podes dar a perfeição sem par,
O bom Consolador: opera em mim!
3
Ó meu Senhor Jesus, opera em mim!
Por Tua santa luz, opera em mim!
Revela-me o valor da morte do Senhor,
Por mim, na dura cruz; opera em mim!
4
Não tardes mais. Senhor, opera em mim!
Escuta o meu clamor, opera em mim!
No sangue de Jesus, vertido lá na cruz,
Me guarda por favor, opera em mim!
.
.
222: VEM A JESUS, Ó PERDIDO!
S.N. (Wm. J. Kirkpatrick)
1
Vem a Jesus; ó perdido,
Vem a Jesus como estás;
O sangue na cruz vertido,.
Dar-te-á graça e paz.
Coro
Vem a Jesus, sem demora;
ó crê no Filho de Deus!
Ele te salva agora,
Quer te guiar para o céu.
2
Por que demoras ainda,
Dar tua vida a Jesus?
Eis quando tudo aqui finda,
Qual há de ser tua luz?
3
O mundo quer enganar-te,
Para a tua alma perder,
Triste será a tua parte;
Além t’espera o sofrer.
4
As horas passam depressa,
Nunca jamais as terás
Quando a tua vida aqui cessa,
Onde tua alma estará?
5
Portas abertas aos libertos
No céu de luz sempre estão;
Eis que os anjos assertos
A ver tua entrada estarão!
.
.
223: NA MINH’ALMA REINA PAZ
P.L.M. (B.B.McKinney)
1
Em escuridão, sem Jesus, me vi,
Com mil penas e grande dor;
Mas Jesus chamou: “Vem, sim, vem a Mim,
Quero ser teu Salvador”.
Coro
Na minh ‘alma reina paz;
Desde que vim a Jesus;
Tenho sempre paz
Pois avistei de Deus, a luz!
E gozo mui veraz.
2
Pelas grandes ondas da perdição,
Fui cercado no alto mar,
Sem ter um piloto no furacão,
Que pudesse me guiar.
3
E se te encontrares a pelejar,
Sem auxilio ter eficaz,
Clama ao Salvador, clama sem tardar,
Sua graça é mui veraz.
.
.
224: É O TEMPO DE SEGAR
P.L.M. (Chas. H. Gabriel)
1
É o tempo de segar e tu sem vacilar,
Declaraste sem temor: “Não posso trabalhar?”
Vem, enquanto Cristo, o Mestre, está a te chamar:
“Jovem, jovem, ó vem trabalhar!”
Coro
Vem e vê os campos brancos já estão
Aguardando bravos que os segarão;
Jovem, desperta, faz-te pronto e alerta!
Queiras logo responder: “Eis-me aqui, Senhor”
Olha que a seara bem madura está;
Que colheita gloriosa não será!
Jovem, desperta. Faz-te pronto e alerta!
Poucos dias são que restam para o segador!
2
As gavelas que recolhes: jóias de esplendor
Brilharão na tua coroa, e darão fulgor;
Busca logo essas jóias; Deus é premiador;
Jovem. jovem, entra no labor!
3
A manhã já vai passando, não maia voltará;
Da colheita o tempo brevemente findará;
E perante o teu Senhor vazio t’acharás;
Jovem, jovem, obedece já!
.
.
225: SÊ VALENTE
A.S. (J.Palacios)
1
Na batalha contra o mal, sê valente!
Segue em marcha triunfal, sê valente!
Olha o alvo que é Jesus,
Que à vitória te conduz;
Ó não deixes tua cruz,
Sê valente!
Coro
Sê valente! Pelejando por Jesus,
Sê valente! Nunca rejeitando a cruz!
Firme sempre no amor,
Com indômito valor,
Cheio do Consolador,
Sê valente!
2
Se o maligno t’enfrentar, sê valente!
Lutarás sem recuar, sÊ valente!
Seja aqui, ou onde for,
Escudado no Senhor.
Mostrarás o teu valor;
Sê valente!
3
Co’altruísmo, com poder,sê valente!
Franco, sem o mal temer, sê valente!
Aos caídos em redor.
Manifesta-lhes o amor;
E serás um vencedor;
Sê valente!
4
O Evangelho a proclamar, sê valente!
No Brasil, em terra ou mar, sê valente!
Tua vida enobrecer!
Sempre com Jesus viver,
E a ti também vencer;
Sê valente!
.
.
226: CRISTO, TEU SANTO AMOR
P.L.M. (Robert Lowry)
1
Cristo, Teu Santo amor deste para mim
Nada pra Ti, Senhor, negarei aqui;
Me prostro em gratidão,
Cumpro com prontidão,
Me guia Tua mão, oh! me rendo a Ti.
2
Perante o trono estou, pede Tu, por mim,
Ao nosso Pai eu vou, só Jesus, por Ti;
A cruz hei de levar,
Teu nome proclamar,
Um hino a Deus cantar, sim, Jesus, por Ti.
3
Um coração de amor, quero, ó meu Jesus,
Ao Teu igual, Senhor, espalhando a luz;
A Ti eu vou servir,
O tempo redimir,
As almas conduzir, quero eu a Ti.
4
Tudo que tenho ou sou, é por Teu favor;
Alegre sempre vou, junto ali, Senhor;
Teu rosto, sim, verei,
Contigo eu estarei,
E sempre viverei, ia no céu por Ti!
.
.
227: DEUS AMOU ESTE MUNDO
E.C. (B.D.Ackley)
1
Deus amou de tal maneira
Este mundo sofredor.
Que à humanidade inteira,
Deus Seu Filho para Salvador.
Coro
E agora nunca mais perece
O que crê, mais vida eterna tem;
Quem em Cristo permanece.
Vai ser coroado além.
O pecado na cruz foi vencido,
Podes, pele fé, vencer também;
De justiça, ó sê vestido,
E receberás coroe além.
2
Prisioneiro do pecado,
Vagas sem esperança ter;
Mas Jesus foi enviado,
Para liberdade te trazer.
3
Tu que vives desviado
Sem a paz de Deus gozar,
Ouve a voz do Pai amado,
Que te espera para te abraçar.
.
.
228: ESTE MUNDO NÃO COMPREENDE
E.C. (L.H.Meredith)
1
Este mundo não compreende.
Quão alegre é o meu viver,
Mas a Cristo quem atende,
Do céu pode o gozo ter.
Coro
Mesmo quando em aflição,
Gozo a paz de Deus;
Cristo ao meu coração,
Gozo traz dos céus,
Se com Cristo aqui viver,
Tão glorioso é,
Maior glória hei de ter,
Se eu guardar sempre a fé.
2
O que me faz mui ditoso,
Oh, provém do amor de Deus!
Mas será maior meu gozo,
Quando for morar nos céus.
3
Sinto meu ser transformado,
Pela graça do Senhor;
Cada dia mais chegado.
Eu à pátria, estou, de amor.
.
.
229: JESUS, O MEIGO SALVADOR
P.L.M.
1
Jesus, é meigo Salvador,
Do céu, à terra és vindo,
E nos Teus braços com dulçor,
Oh! vai-me conduzindo;
Assim eu vou seguindo
Na Tua luz perfeita,
Que sempre me deleita;
Tua Palavra, oh, Senhor!
2
Que grande gozo foi pra mim,
Oh, quando me encontraste!
Do coração, abriu enfim
A porta e logo entraste;
Então Tu me levaste,
Por Tua luz perfeita,
Que sempre me deleita;
Tua Palavra, que amor, sim!
3
Tu me livraste, Salvador,
De miserável sorte,
Me guardarás por Teu amor,
Fiel até à morte;
Desejo que me exortes
Por Tua luz perfeita,
Que sempre me deleita;
Tua Palavra, meu Senhor!
4
Ó Salvador, e bom Jesus,
Meus pés na rocha fundas;
Pois Tua mão, a mim conduz,
As águas mui profundas,
Do trono oriundas,
A Tua luz perfeita,
Que sempre me deleita;
Tua Palavra, ó Jesus!
.
.
230: NÓS VOGAMOS NESTA NAU
P.L.M. (W.H.Bradbury)
1
Nós vogamos, o mar vencemos,
Nesta nau que nos conduz,
Um naufrágio não tememos,
Pois ao leme vai Jesus.
Coro
Vem amigo, pois te amamos,
Sem tardar, que nós Já vamos;
A tormenta não olhamos
E rumamos para o céu.
A tormenta não olhamos
E rumamos para o céu.
2
Para nossa feliz morada,
Eis a hora de partir;
Hoje mesmo se faz chamada;
“Quem com Cristo quer seguir?”
3
Ao findar da travessia,
No céu vamos ancorar;
Com presteza, com alegria,
Nós havemos de saltar.
4
Ante nós, vemos a cidade,
Cujo porto se abrirá.
E Jesus cheio de bondade
Aos chegados sorrirá.
.
.
231: NÃO FOI COM OURO
P.L.M. (C.Austin Miles)
1
Nós, os salvos do Senhor,
Caminhemos com valor;
Ele guarda o coração,
Cristo é a nossa salvação.
Coro
Não foi com ouro que nos comprou Jesus,
Mas com Seu sangue vertido lá na cruz;
Nós, que somos salvos, vamos sem temer,
Sempre por Seu sangue o mal vencer.
2
Pela morte de Jesus,
Recebemos vida e luz;
Do abismo de horror,
Não temos mais nenhum temor.
3
Seguiremos o Senhor,
Pois nos guia ao Criador;
Nos concede paz real,
Nos dá repouso eternal!
4
Tu que não tens salvação,
Abre já teu coração.
Deixa Cristo te salvar,
E para o céu te preparar.
.
.
232: OS BEM-AVENTURADOS
A.S. (Geo. F. Root)
1
Bem-aventurados são
Os de limpo coração,
Que não buscam as riquezas para si;
A tranqüilidade e paz,
Que desfrutam, oh, jamais,
Poderão discriminadas ser por mim!
Coro
Oh, Cantemos aleluia!
Jubilosos, com poder!
Bem Alegres, com fervor,
Demos a Jesus louvor,
E mais gozo vamos dEle receber!
2
Grande dita e mui, favor
Me concede meu Senhor,
Pelo sangue que por mim verteu na cruz;
Tornará também meu ser,
Cheio de veraz prazer,
Se viver e caminhar na Sua Luz!
3
Ao Senhor obedecer,
DEle mesmo me encher,
Para mim isto é o verdadeiro céu;
E por Seu imenso amor,
Para o pobre pecador,
Quero aqui, louvá-Lo, e além do véu!
4
Quão perfeita, é minha paz!
Não anelo nada mais,
Quero sempre aqui fazer o Seu querer;
Tenho o amado Salvador,
E possuo Seu amor;
Gozarei eternamente mui prazer!
.
.
233: A CEIA DO SENHOR
J. Car. (Joel Blomkvist)
1
Ó Jesus Cristo, aqui estamos
Unidos todos em um lugar,
Pra Tua morte nós relembrarmos,
Que Tu quiseste por nós provar.
2
Alegra-nos, é Jesus amado,
Enchendo-nos do Consolador;
Ó grande graça Tu nos tens dado,
Pois somos salvos p’lo Teu amor.
3
Que nós sejamos abençoados;
Também o pão e o vinho aqui,
P’lo Teu poder sejam consagrados
P’ra nos alimentarmos de Ti.
4
E quando todos nos reunirmos,
Um dia, lá no Teu lar, nos céus,
Nós aleluias, sim, cantaremos,
Eterno hino ao nosso Deus.
.
.
234: O GOZO DOS SANTOS
P.L.M. (D.B.Townes)
1
O gozo dos santos é o amor de Jesus.
Grande é este amor que paz nos produz!
A fonte da vida, que nos dá vigor,
É o sangue de Cristo vertido em dor!
Coro
Oh! Vê ali na cruz a graça de Jesus,
Amor potente, que gozo produz!
2
Ó vê, “eis o Homem” que padece ali,
Coberto de sangue, ferido por ti.
Estampa na face tão enorme dor
De ‘spinhos coroa possui meu Senhor!
3
Com cravos, furados tem os pés e as mãos;
Pregado no lenho, em grande aflição;
Aberto Seu lado co’a lança Cruel
Sai água e sangue do Emanuel!
4
Por Cristo Cumprida foi a obra de amor,
Morreu qual Cordeiro, por ti pecador;
Confiando agora na obra da Cruz,
A vida nós temos por Cristo Jesus.
.
.
235: JÁ SEI, JÁ SEI
P.L.M. (Wm. J. Kirkpatrick)
1
Comprado com sangue de Cristo,
Alegre ao céu, sim eu vou;
Liberto do vício maldito,
Já sei que de Deus, filho sou.
Coro
Já sei, já sei,
Comprado com sangue eu sou;
Já sei, já sei,
Com Cristo ao céu, sim eu vou.
2
Estou livre da lei severa,
Pois Cristo me quis redimir,
Enchendo minh’alma, deveras,
Do gozo, que vem do porvir.
3
Em Cristo Jesus sempre espero,
E nunca O posso deixar;
Calar Seus favores não quero,
Vou sempre de Cristo falar!
4
Eu sei que, um dia, a beleza
Do grande Rei vou contemplar;
Agora me dá fortaleza,
E sempre me quer consolar!
5
Eu sei que me espera a coroa,
A qual, a Seus servos dará,
Jesus, a divina pessoa,
No céu onde Ele está!
.
.
236: JÁ NOS LAVOU
P.L.M. (Oscar A. Miller)
1
Sobre a cruz o bom Cordeiro,
Dura morte já provou,
Por nós todos no madeiro,
Para Deus Pai nos comprou;
Com Seu sangue tem lavado
Nossa alma imortal,
E também nos resgatado
Do poder do mal.
Coro
Já nos lavou, Já nos lavou,
Com Seu precioso sangue, Jesus, Salvador.
Nos libertou, nos libertou,
Com Seu precioso sangue do vil tentador.
2
Pelo sangue derramado
Livre entrada se nos dá
No lugar santificado
Onde o Pai celeste está;
Este sangue nos indica
O infinito, imenso amor
De Jesus, pois purifica
Todo pecador!
3
Fomos nós predestinados
Para crermos em Jesus,
Com Espírito selados,
Para desfrutar na luz;
Se vós hoje mesmo crerdes,
Por Deus, feitos vós sereis,
Para dons Lhe oferecerdes,
Sacerdotes, reis.
.
.
237: O GOZO DE ESTAR PREPARADO
P.L.M. (J. W. Van de Venter)
.
.
1
O Noivo estamos prontos pra encontrar,
Eis que do céu virá.
Com nossas luzes vamos esperar,
Jesus não tardará!
Coro
Oh! que gozo preparado está,
Para os servos do Senhor Jesus;
Breve Cristo do céu voltará
Em gloriosa luz!
2
Coroa nós teremos lá no céu,
Se Cristo em nós viver;
Em breve Ele vem rompendo o véu,
O mal vem desfazer!
3
Lá em Sião nós vamos encontrar
Com nosso Redentor;
Na glória eterna vamos desfrutar
Do divinal amor!
.
.
238: Ó PECADOR DESALENTADO
P.L.M. (J.P.Halbrook)
1
Ó pecador desalentado
Vem a Jesus, teu Salvador;
Por que viver atribulado?
Vem a Jesus, teu Salvador;
Eis o Cristo te chamando,
Pois quer te dar Seu grande amor,
Vem nos Seus braços te lançando
Vem a Jesus, o teu Salvador.
2
Ó não rejeites a liberdade,
Vem a Jesus, teu Salvador;
Recebe hoje a santidade;
Vem a Jesus, teu Salvador;
Tudo aqui no mundo passa;
Tu morrerás, ó pecador,
Vem aceitar a vera graça,
Vem a Jesus, o teu Salvador.
3
Se queres paz, também o gozo,
Vem a Jesus, teu Salvador.
Pois nEle tu terás repouso,
Vem a Jesus, teu Salvador;
Não terás senão tristeza,
Cá neste mundo de horror,
Mas em Jesus há fortaleza,
Vem a Jesus, o teu Salvador.
4
Hoje é o dia aprazível,
Vem a Jesus, teu Salvador.
Ó Seu amor é irresistível,
Vem a Jesus, teu Salvador.
Tuas horas vão passando,
Ó não desprezes, pecador;
A voz de Deus te convidando.
Vem a Jesus, o teu Salvador.
.
.
239: IMPLORAMOS O CONSOLADOR
P.L.M. (E.O.Excell)
1
Vem ó Senhor, e completa
A obra Tua em mim:
Torna a minha alma dileta,
Enchendo-me de Ti.
Ó manda agora,
O bom Consolador;
Minh’alma Te implora,
O meu amado Senhor!
2
Há tanto tempo Te espero.
Ó caro Salvador,
Mas hoje mesmo eu quero
O bom Consolador.
3
Tens me tirado pra fora
Do mundo sedutor;
Ó vem selar-me agora
Glorioso Redentor.
4
A Ti pertence a glória,
Benigno Salvador;
Sempre me dás a vitória,
Por Teu imenso amor.
.
.
240: OH DIA ALEGRE!
A.S. (Charles H. Marsh)
1
Cristo pode hoje vir,
Oh dia alegre! Irei amigos ver;
O mal terá o seu fim.
Se Cristo do céu descer!
Coro
Oh dia alegre, da vinda de Jesus!
Jesus vem buscar-me para os céus;
Ele vem breve para os Seus;
Oh dia alegre! Da vinda de Jesus!
2
Se hoje for pra meu lar,
Oh dia alegre! Parece-me ouvir
Os salvos cantando: “Vem!’
Quem dera pra o céu partir!
3
Por que ansioso estar?
Oh dia alegreI Há luz na margem além;
Temporal nunca haverá;
Do céu breve Cristo vem!
4
Fiel a Jesus estou,
Oh dia alegre! Livre estou pra dizer:
“Cristo é tudo p’ra mim”;
Do céu virá com poder!
.
.
241: MARCHEMOS SEM TEMOR
P.L.M. (Jno.R.Sweney)
1
P’ra Sião marchamos sem algum temor,
Por fé nos chamamos filhos do Senhor;
Presto caminhamos, sem pra trás olhar,
Com Jesus nós vamos, não podemos errar.
Coro
Marchemos sem temor, repletos de valor,
Marchemos nas pisadas do bom Redentor;
Depressa, sem tardar, até no céu entrar;
Por Jesus podemos sempre triunfar.
2
P’ra Sião marchamos sem desanimar,
A verdade, vamos todos proclamar;
Presto caminhamos, carregando a cruz,
Pois nós desejamos ver no céu a Jesus.
3
P’ra Sião marchamos em celeste luz,
Dirigidos vamos p’Io Senhor Jesus;
Presto caminhamos, rasga-se o véu;
Já daqui estamos, pela fé, vendo o céu.
.
.
242: EU CONFIO FIRMEMENTE
P.L.M. (Wm. J. Kirkpatrick)
1
Eu confio firmemente,
Que no céu vou descansar
Com Jesus alegremente, aleluia!
Que prazer celeste sente
A minh’alma em pensar,
Na glória que no céu eu vou gozar!
Coro
Que eterna glória vou no céu gozar!
Com Jesus, que do pecado me salvou;
Santa paz e alegria lá no céu vou desfrutar;
Eterna glória Cristo me comprou!
2
No céu vou ver o Cordeiro,
Que por mim quis expirar,
Pendurado no madeiro, aleluia!
Que me fez também herdeiro
Do que nunca vai murchar,
Da glória que no céu eu vou gozar!
3
De Jesus, o rosto santo,
No céu hei de contemplar,
Onde não há dor ou pranto, aleluia!
Mas sim um sublime canto
Que pra sempre vai soar
Na glória, que no céu eu vou gozar!
4
Quando for ao céu chegado
E a glória alcançar
Por ter Cristo ao meu lado, aleluia!
No Seu trono assentado,
A Jesus vou adorar;
Eterna glória vou no céu gozar!
.
.
243: AO ABRIR O CULTO
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
Nós abrimos este culto
Em Teu nome, ó Jesus Cristo!
Ao pequeno e ao adulto,
Luz divina vem dar por ato;
Gozaremos em Tua face,
Ó Cordeiro ressuscitadol
Com doçura, sim, nos enlaces,
Pra ouvir o que nos for dado.
2
Ó nos manda Tua Palavra
Pelo Teu Espírito Santo,
Que no peito um fogo lavra,
Que enxuga também o pranto;
Nosso Pai, nós Te suplicamos
Nova vida pra Tua Igreja;
Ó não tardes, pois desejamos
Que pureza em nós Tu vejas.
3
Abençoa, ó Deus Santo,
Os Teus servos em todo o mundo;
Abençoa o nosso canto
E dá vida aos moribundos;
Abençoa aos cordeirinhos,
A família dos Teus amados,
Como ave, que no seu ninho.
Tem seus filhos bem abrigados.
.
.
244: LOUVAI A JESUS
P.L.M.
1
Louvai a Jesus, amoroso;
Na cruz os pecados levou,
Que nos enche de Santo gozo;
Com sangue o céu nos ganhou.
Coro
Ao meu Senhor,
Que tenho no meu coração,
Eu dou louvor,
Pois Ele me deu salvação.
2
Louvei a Jesus poderoso,
Que veio livrar da prisão
Um povo cativo, medroso,
Que não tinha consolação.
3
Louvei a Jesus, vosso guia
No mundo de tribulação;
E não tem temor, quem confia
Em Deus, mas real proteção.
4
Louvei a Jesus, dai-Lhe glória,
Pois Rei e Senhor Ele é;
Na cruz nos ganhou a vitória;
Vencei com Jesus pela fé.
.
.
245: PAZ DE DEUS EM JESUS ENCONTREI
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
A paz e gozo Jesus já me deu,
Ele pra isso ao mundo baixou;
Para salvar-me, Seu sangue verteu,
Quando por mim na cruz expirou.
Coro
Paz de Deus em Jesus encontrei,
Pois tenho gozo no coração;
Honra e glória tributarei
Ao que me trouxe a salvação.
2
A paz e gozo desfruto enfim,
Por Jesus Cristo, o meu Redentor;
Um amor santo, oh, tenho em mim,
Que alcancei do Consolador!
3
A paz e gozo tem meu coração,
Vida celeste, repleta de amor;
Cristo me deu a real salvação,
Também o dom do Consolador.
.
.
246: O DESCANSO EM JESUS
F.V. (F.M.Lelunan)
1
Tens descanso encontrado em Jesus Cristo?
Permaneces pela graça que Ele deu?
Tens tu paz com teu Salvador bendito?
Plenitude do Espírito de Deus?
Coro
Tens descanso encontrado em Jesus Cristo?
Permaneces pela graça que Ele deu?
Plena paz, consolação, acharás na oração:
Deus aí vitória aos santos concedeu.
2
Estarás bem seguro e corajoso,
Quando a tentação chegar-se para ti?
Tens a graça pra ser Vitorioso
Nas terríveis provações da vida aqui.
3
Só em Cristo encontrarás descanso,
Que ninguém aqui, jamais irá tirar;
Com Jesus tu hás de aprender ser manso,
E Sua glória em ti o mundo há de mirar.
.
.
247: DEUS NOS GUARDE NO SEU AMOR
E.C. (W.G.Tomer)
1
Deus nos guarde bem no Seu amor;
Onde quer que nos achemos,
O Seu nome louvaremos;
Deus nos guarde bem no Seu amor!
Coro
Ao voltar Jesus vamos nós estar
Livres de qualquer separação;
U’a coroa, então vamos, sim, formar,
Lá no céu, na eternal mansão.
2
Deus nos guarde em santificação
Nas agruras da jornada,
Que é mui breve terminada!
Deus nos guarde em Santificação!
3
Deus nos guarde e nos conceda paz,
De que tanto carecemos;
Ó, enquanto aqui vivemos,
Deus nos guarde e nos conceda paz.
.
.
248: HOSANA E GLÓRIA
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
Já perto de Betfagé, o Mestre ordenou:
“Ó ide à aldeia, que avistando estou,
Trazei-Me um jumentinho, no qual ninguém montou
Dizei aos que perguntem: “Jesus requisitou”.
Coro
Hosana e glória davam ao Senhor Jesus,
O Rei que vem trazendo amor, poder e luz;
Também vem concedendo eficaz perdão;
Por isso O louvam de todo o coração.
2
Trouxeram o jumentinho, no qual Jesus montou,
Com ramos o caminho o povo enfeitou;
A que de Sião é filha, ó logo lhe dizei:
Não temas mas exulta, aí vem o Rei.
3
No monte das Oliveiras, ouviu-se um clamor:
“Bendito o Rei que é vindo em nome do Senhor”;
Jesus diz aos que o mandam calar a multidão:
“Se estes se calarem, as pedras clamarão”.
.
.
249: Ó VEM, SENHOR, E HABITA
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
Ó vem, Senhor, e habita no meu coração;
Dá-me a graça bendita por Tua compaixão.
Coro
Ó meu Deus vem dar-me
O dom do Consolador;
Vem hoje selar-me,
Enchendo-me do Teu amor!
2
Dia de paz e de gozo eu vou desfrutar,
Quando Jesus glorioso minh’alma batizar.
3
Do Teu amor puro e santo sempre falarei;
Mesmo com dor e com pranto a Cristo louvarei.
4
Ó Deus, Te peço agora, ouve-me Senhor
Batiza-me nesta hora, no Teu Consolador!
.
.
250: NOIVA DE JESUS, APRONTA-TE
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
A Cristo unida está a minh’alma,
Pois nEle eu tenho meu vero sustento;
Me enche de gozo do céu, e de calma;
Também me ensina os seus mandamentos.
Coro
Ó Noiva de Jesus, apronta-te para ir
Para o eterno e santo reinado;
Que divinal amor irás lá, então, fruir
Com Jesus Cristo, o teu amado!
2
Na santa Igreja, com sangue remida,
Já é manifesta em mim Sua glória,
Que por Sua graça me foi concedida,
Na qual abrigado, terei a vitória.
3
Assim eu desejo a Cristo unido,
Seguir o caminho pra bela cidade,
Pois nEle, dos males, sou bem protegido,
Também rodeado de Vera bondade.
.
.
251: AO CULTO NÃO FALTAR
P.L.M. (Wm.B.Bradbury)
1
Ao culto não faltar,
Ó vinde todos pra louvar
O Nome santo do Senhor,
Que nos dá vida e fervor.
2
Nos separamos em amor,
Levando a paz do Salvador,
Mas breve vinde, não falteis,
Os pecadores sim trazei.
3
Se não pudermos reunir,
Veremos santos no porvir,
No culto do Senhor Jesus,
Que vai haver no céu de luz.
.
.
252: SANTO, SANTO ÉS TU, SENHOR
P.L.M. (M. D´Angelo)
1
Santo, santo és Tu, Senhor,
Em Teu louvor eu vou cantar
Com esperança, ó Deus de amor;
Tu me queres consolar;
Eu Te peço, ó meu Jesus,
Só Tu és meu Salvador,
Que me faças andar na luz;
Santo és, meu Redentor!
Coro
Ao meu Jesus eu cantarei
Entrando na feliz Sião;
Oh! Santo, santo, proclamarei
Na minha eternal mansão,
Com os anjos e serafins,
Santo! Santo vou cantar
Com arcanjos e querubins;
A Jesus eu vou adorar.
2
Santo, santo, eu cantarei,
Ao meu Jesus, que me salvou,
E só nEle confiarei,
Pois Minh’alma resgatou;
Dá-me o pão do céu p’ra comer.
O maná celestial,
P’ra Teu povo fortalecer,
Com o Teu poder vital.
3
Em Jesus, só, hei de buscar,
A Sua força divinal,
Que avante me vai levar,
Para o reino eternal;
Oh! Quão doce é Teu pão,
Que nos dá real vigor
No deserto; consolação,
Que nos enche de fervor.
.
.
253: AVANTE, Ó CRENTES
P.L.M. (M.D´Angelo)
Avante, ó Crentes, o mal desfazendo,
O inimigo com a luz combateremos;
À peleja pois, todos, não temendo,
A vitória por Jesus receberemos.
Coro
Com a graça de Jesus nos firmaremos,
Com a graça de Jesus, combateremos,
Com a graça de Jesus nós venceremos,
Com a graça de Jesus vitória temos.
Avante, ó crentes, marchai sem tardança,
Jamais do bom Jesus nós nos afastaremos,
Porque nEle nós temos esperança
E vitória nós assim alcançaremos.
Avante, ó crentes, fiéis corajosos,
Vitória por Jesus, a nós é concedida;
No combate, ó sede valorosos,
Para alcançar o galardão da vida.
Avante, ó crentes, dum só pensamento;
“O vil pecado sempre nós combateremos”.
Pois Jesus vem, não tarda um momento,
Crendo em Jesus, vitória nós já temos.
.
.
254: MAIS PERTO DE JESUS
Ja.S. (Charles Price Jones)
1
Mais profundo no amor de Cristo
Eu desejo estar!
Mais humilde no meu ser, eu quero
Sempre aqui andar.
Coro
Mais perto de Jesus,
Eu quero aqui viver;
Mais santo, meu Jesus,
Eu desejo sempre ser.
Mais profunda a Tua vontade,
Quero conhecer;
Té que minha vida, por inteiro,
Mostre o Teu ser.
Mais profundo, com dor, não importa,
Pois eu quero estar,
No Teu divinal amor firmado,
Para fruto dar.
Mais profundo, dia após dia,
Quero eu estar,
Té que o alvo, o Mestre, aqui, me faça,
Breve alcançar..
.
.
255: MEU REDENTOR
F.V. (J.G.Foot)
Na cruz morrendo meu Redentor;
Minhas maldades todas levou;
Se O recebes, tens Seu amor,
Pois teus pecados, Jesus perdoou.
Coro
Quando Deus, o sangue vir,
Que Jesus já verteu,
Passará sem ter ferir,
No Egito assim sucedeu.
Deus quer salvar ao vil malfeitor,
Como promete, sempre fará;
NEle confia, ó pecador,
E pela fé vida nova terás.
Breve se finda a tua luz,
E no juízo tu vais entrar;
Não te detenhas, vem a Jesus,
Que teus pecados deseja apagar.
Que maravilha, que grande amor!
Se hoje creres, salvo serás!
Cristo te chama, vem pecador,
E gozo eterno no céu fruirás.
.
.
256: ABANDONA ESTE MUNDO DE HORROR
P.L.M. (W.E.M.Hackelman)
Abandona este mar,
Onde podes naufragar;
Abandona este mundo de horror,
A maré te levará,
O teu barco quebrará,
Ó aceita a Jesus, o Salvador!
Coro
Abandona já duma vez,
Este proceloso mar.
Hoje sem tardar;
Do castigo eternal,
E de morte tão fatal,
Foge logo pecador com rapidez.
Eis faróis a clarear
E perigos a marcar;
Abandona este mundo de horror,
Já na barra mais além,
O teu barco se sustém,
Ó aceita a Jesus, o Salvador!
Eis que vozes sem cessar,
Não se cansam de clamar:
Abandona este mundo de horror,
Ó amigo, ouve já,
Essa voz te salvará.
Ó aceita a Jesus, o Salvdor!
Não escutas a Jesus,
Que te chama para aluz?
Abandona este mundo de horror,
Se persistes em vagar,
Não te poderás salvar.
Ó aceita a Jesus, o Salvador!
.
.
257: O PERDÃO SEM IGUAL
P.L.M. (Gottschalk)
Amoroso Salvador,
Sem igual é Teu perdão;
Só Tu és meu Redentor
E perfeita salvação.
Meu contrito coração
Te confessa seu pecar,
Pede ao Pai real perdão,
Pelo Teu amor sem par.
Te contemplo, sem cessar,
No Teu trono desde aqui;
Oh! quão grato é meditar,
Que intercedes Tu por mim.
A fonte és da compaixão,
Sempre a Ti darei louvor!
Faz-me bem ao coração,
Exaltar-Te, meu Senhor!
.
.
258: NA ROCHA ETERNA FIRMADO
Ja.S. (Wm.J.Kirkpatrick)
Um Salvador meigo é Cristo Jesus,
Pois Ele minh’alma salvou;
Também meus pecados tomoui sobre Si,
Na cruz quando me resgatou.
Coro
Na rocha eterna firmado estou eu,
E tenho a salvação;
Me esconde Jesus Cristo no manto Seu,
Velando-me com Sua mão.
Velando-me com Sua mão.
As bençãos do céu desfrutando eu estou,
Em Cristo, o Filho de Deus;
Alegre eu vivo e ando na luz,
Prossigo na senda do céu.
As cargas que eu tive Jesus as tomou,
Agora liberto estou;
A graça me basta que Cristo me deu,
Assim para o céu presto eu vou.
Findando a lida então O verei,
Com anjos e santos no céu;
E hinos de glória eu entoarei,
Àquele que por mim morreu.
.
.
259: CREIO EU NA BÍBLIA
P.L.M. (E. S. Ufford)
1
Creio eu na Bíblia, o livro do Senhor,
Pois de Jesus Cristo mostra o doce amor;
Todos meus pecados apagados estão,
Paz e gozo tenho em meu coração.
Coro
Creio eu na Bíblia, livro de meu Deus;
Para mim a Bíblia é o maná dos céus!
Mostra-me o caminho para o lar celestial;
Acho eu na Bíblia, graça divinal!
2
Creio eu na Bíblia, ensina-me a cantar
Cantos de vitória, e de amor sem par;
Lindas melodias, eu cantando vou,
Porque redimido pelo sangue estou!
3
Só a santa Bíblia a santidade dá,
Este dom de Cristo, prometido já;
Todos os que buscam plena salvação,
Estas bênçãos, só em Cristo, acharão.
4
Lemos hoje a Bíblia p’ra todo o pecador,
Para que encontre Cristo, o Salvador;
Sendo sua vida, livre de pecar,
O divino livro, ele vai honrar!
.
.
260: AVANTE COM O NOSSO CAPITÃO
P.L.M. (Adam Geibel)
1
Irmãos avante, avante com o nosso Capitão,
Seremos triunfantes, não lutareis em vão!
Vitória esperamos, vitória Deus dará,
Se firmes pelejarmos, sim, contra Goliá.
Coro
Avante, avante, as trevas dissipai
Com o supremo Capitão, avante! Vitória alcançai!
2
Lugares deleitosos, a sorte nos tocou;
De jugos tão penosos Jesus nos libertou;
Herança foi-nos dada, herança de valor;
No Céu é conservada por Deus, meu Salvador.
2
Com nosso Comandante, avante pelejai;
Alegres, exultantes, por Cristo avançai;
Já temos a espada, não temos que temer,
A Bíblia Sagrada pra todo mal vencer.
.
.
261: ALMA TRISTE, ABATIDA
P.L.M. (S.B.Marsh)
1
Alma triste, abatida,
Que tens medo de morrer;
Por um triz, atua vida,
Pode hoje perecer;
Vê nos mares e nas dores,
Um farol jorrando luz,
Que te enche de louvores:
É Jesus, sim, é Jesus!
2
Tu que andas vacilante
E que o mundo seduziu,
Vem e segue, confiante,
Quem na cruz já te remiu,
Pois a graça não é finda
De quem expirou na cruz;
Olha, com amor, ainda,
Pra Jesus, sim, pra Jesus!
3
Lá na cruz Jesus morrendo,
Teus pecados expiou;
Santo Espírito concedendo,
A Sua Igreja adornou,
Todo o mal e sofrimento,
Já pregados estão na cruz,
Oh, sublime livramento,
De Jesus, sim, de Jesus!
4
A Teus pés, Jesus bondoso,
Acho paz, consolação!
Enches-me de santo gozo
E de imensa gratidão;
Quero eu constantemente
Receber a pura luz,
Que dimana fortemente
De Jesus, sim, de Jesus!
.
.
262: SENHOR, ESTÁS COMIGO
P.L.M. (M.D´Angelo)
1
Senhor, estás comigo em todo tempo,
Fazendo-me feliz no sofrimento,
O dá-me cada dia o Teu sustento
E graça p’ra cumprir Teu mandamento.
Coro
Sim, estás comigo em todo tempo,
Tu es o meu maná, meu alimento;
Jesus, estás comigo em todo tempo,
O dá-me Tua vida; Teu Sustento.
2
Contigo, ó Senhor, vou caminhando,
O Evangelho santo proclamando:
A face do Senhor Jesus buscando,
E sempre do pecado me guardando.
3
Por Deus estamos nós santificados
Em Ti, Jesus, que nos tens resgatado
Do mundo e de todo o vil pecado,
Também o nosso ser vivificado.
.
.
263: AO FIM DO CULTO
P.L.M. (M.D`Angelo)
1
O culto tendo já terminado,
Te suplicamos, ó Salvador,
Se em qualquer coisa foi perturbado,
Que nos perdoes, por Teu amor.
2
Gravar Tu queiras a sã doutrina,
Por Teu Espírito Consolador,
Que nos sustenta, que nos ensina,
E que nos enche do Teu amor.
3
Se nós aqui não mais regressarmos,
Certeza temos de ver na luz
Os santos juntos e contemplarmos
No céu, um dia, o bom Jesus!
.
.
264: Ó PAI CELESTE
P.L.M. (H.L.Gilmour)
1
Ó Pai celeste no nome santo
Do Teu amado Filho Jesus,
Grato Te sela o nosso canto,
Que reverente Tua grei produz;
Ó Deus, preside Teu povo unido,
Com Tua graça e com Teu poder,
No Santo Espírito já recebido,
Nós desejamos aqui viver.
2
Rocha divina, nossa firmeza,
Dá-nos a graça, dá-nos poder;
És dos Teus servos a fortaleza,
Onde, abrigados, não têm pavor;
Chuvas de bênçãos sempre derrama
Em abundância dos altos céus;
A nossa alma, qual cervo brama
Em grande seca por Ti, bom Deus!
3
Rebanho santo, por Deus selado,
Duma só mente, dum coração,
E que assim seja realizado,
Ver, esperamos, com prontidão;
Ó nos defende com o Teu braço,
Do inimigo, do tentador;
Sempre dirige os nossos passos,
As vivas fontes que dão vigor!
4
Manda, Senhor, a Tua mensagem
Pela divina e sacra unção,
Qual o maná, que trouxe, em viagem,
Para Teu povo, a consolação;
Tua Palavra, água da vida,
Do nosso cálice, faz transbordar,
Cheia de graça, bem dirigida,
Para os sedentos poder saciar.
.
.
265: DOCE É CRER EM CRISTO
J.T.L. (Wm. J. Kirkpatrick)
1
Oh! quão doce é crer em Cristo.
E entregar-se a Jesus,
Esperar em Suas promessas
E andar na Sua luz!
Coro
Jesus Cristo, Jesus Cristo,
Teu amor me deste a mim!
Jesus Cristo, Jesus Cristo,
Sempre quero crer em Ti.
2
E mui doce crer em Cristo,
E cumprir o Seu querer,
Não descrendo em Sua Palavra,
Que é luz pra nosso ser.
3
E mui grato crer em Cristo;
Quando busca o coração
Os tesouros infinitos
De amor, paz e perdão.
4
Sempre em Ti confiar eu quero,
Meu precioso Salvador;
Na bonança e na luta,
Me proteja aTeu amor.
.
.
266: RESGATADOS FOMOS
P.L.M. (H.L.Gilmour)
1
Nós resgatados fomos,
Por quem nos quis salvar;
Em Cristo livres somos,
Pra nunca mais pecar!
Em Cristo livres somos,
Pra nunca mais pecar!
Coro
Resgatados fomos,
Resgatados fomos,
Resgatados fomos,
P’ra nunca mais pecar!
2
Nós fomos já eleitos,
O céu, p’ra desfrutar;
Também por Deus aceitos
P’ra nunca mais pecar!
Também por Deus aceitos
Pra nunca mais pecar!
3
A imortalidade
Havemos de gozar,
Pois temos liberdade
Pra nunca mais pecar!
Pois temos liberdade
Pra nunca mais pecar!
4
No meio dos remidos
A Cristo vou louvar,
Por tê-Lo recebido
Pra nunca mais pecar!
Por tê-Lo recebido
Pra nunca mais pecar!
.
.
267: JESUS, MINHA FORÇA
P.L.M. (C.Austin Miles)
1
Vai chegando mais perto e causando terror,
A predita enchente de pecados e dor;
Mas eu sei que potente é a mão do Senhor,
Por isso, tranqüilo, não tenho temor.
Coro
É Jesus minha força, meu amado Senhor,
Se Ele é o guarda, não tenho temor;
Eu desejo encher-me do Seu grande amor,
Vivendo na graça do meu Salvador.
2
Mais chegado a Cristo eu desejo ficar;
Mais alegre e contente quero sempre andar,
Nos Seus passos seguindo para nunca errar,
Até que um dia eu vá descansar.
.
.
268: CONFIANTE EM DEUS
P.L.M. (Robert Lowry)
1
Sê tu, em Deus confiante;
Ora muito a Jesus,
E alegre, triunfante,
Leva sempre tua cruz.
No Senhor tem esperança;
Pois te guia Sua mão;
Vem a Ele, sem tardança,
E terás consolação.
Coro
Glória, glória, Aleluia, aleluia a Jesus!
Aleluia! Glória a Jesus!
Glória, glória, Aleluia, aleluia a Jesus!
Aleluia ao Redentor! Amém.
2
Se aqui és perseguido,
Tens a glória do porvir;
Se estás enfraquecido,
Novas forças hão de vir;
Mesmo que o sol se turve,
Haja forte furacão,
Sê fiel, não te perturbes,
Crê em Deus, de coração.
.
.
269: LOUVAREI AO MEU AMADO
P.L.M. (S.B.Marsh)
1
Louvarei ao meu amado;
Sobre todos exaltado;
Por Seu sangue fui comprado;
Todo dEle sou.
2
No Seu nome há melodia;
Quão suave em harmonia!
Enche as almas de alegria
Esse som – Jesus!
3
Digno é de confiança,
Mui fiel e sem mudança;
NEle está minha esperança;
Bem seguro estou!
4
Seu caminho vou seguindo,
Sua força me cingindo,
Na carreira prosseguindo,
Té no céu entrar.
5
Lá verei meu Rei glorioso,
Coroado, majestoso,
Mais que todos amoroso,
Meu Senhor Jesus.
.
.
270: LOUVANDO AO NOSSO CRIADOR
P.L.M.
1
Sinto prazer louvando
Ao nosso Criador,
E gozo celebrando
Os feitos do Senhor;
Saber que sou lavado
No sangue de Jesus.
Também que sou guiado,
Pela divina luz!
Coro
Alegre irei avante,
Unido ao Salvador;
Cantando triunfante,
Ao nosso Criador!
2
Em Cristo, tenho gozo,
E paz, celeste luz;
Na obra, eu repouso,
Cumprida lá na cruz;
De graça revestido,
Nada me faltará;
Cristo tem prometido,
Que tudo suprirá!
3
Alegre sigo avante,
Na senda que conduz
A porta fulgurante
Da mansão de Jesus;
Com Deus aqui eu ando,
Ele me guiará,
E por fim me tomando,
Ao céu me levará!
.
.
271: NA MANSÃO DO SALVADOR
J.T.L. (Chas.H.Gabriel)
1
Lá na mansão do Salvador,
Não há, jamais, tribulação;
Nenhum pesar, nenhuma dor,
Que me quebrante o coração.
Coro
Ali não há tristeza e dor,
Nenhum pesar, nem aflição;
Quando eu estiver morando lá
Direi: Não há tribulação.
2
Pra mim é triste estar aqui,
Mui longe, sim, do Salvador,
Pois moram já com Ele ali,
Os salvos pelo Seu amor.
3
Perfeito amor encontrarei,
Lá na mansão do meu Senhor,
Completa paz, ai terei,
Pois me dará o Salvador.
4
Estando lá. eu gozarei
De toda a bênção divinal;
Também, com Cristo reinarei,
Na Sua glória eternal.
.
.
272: QUANDO JESUS APARECER
P.L.M. (M.D´Angelo)
1
Quando Jesus aparecer,
Que festa para nós há de ser,
Ao céu de luz iremos ter,
P’ra desfrutar eterno prazer,
Quando ao Seu Pai nos apresentar,
Que alegria no céu haverá;
No trono Seu teremos lugar,
Em nossa fronte coroa porá.
2
Marchai com Deus, sem vos deter,
Em santidade e sem temer;
Se nada mais podeis fazer -
Por crer em Cristo – tendes poder,
Se hoje crerdes… Deus vos dará;
Se fé tiverdes, vós recebereis,
Vida de paz no céu gozará
Todo que crer em Jesus, nosso Rei.
3
Iremos nós, no céu cear
E Jesus Cristo nos servirá;
A Sua grei que quis salvar,
No céu, então, se reunirá.
Qual forte sol, dará resplendor
Ante Jesus, o Senhor eternal!
Oh, que prazer, que sublime amor,
Existirá no lar celestial!
.
.
273: SÓ A TI RECORREREI
P.L.M. (James D. Vaughan)
1
Quer nas trevas quer na luz,
Só a Ti recorrerei,
Só ali meu bom Jesus,
E socorro acharei.
Coro
Só a Ti, meu Senhor,
Só a Ti recorrerei;
Só em Ti, Salvador,
Um refúgio encontrarei!
2
Quando lutas, penas, dor,
Neste mundo encontrar,
Eu Te buscarei, Senhor,
E virás me consolar!
3
Quando o grande tentador
A minh’alma combater,
Pela graça do Senhor,
Todo o mal hei de vencer.
4
Portes lutas eu terei,
Neste mundo enganador,
Mas socorro eu acharei,
Em Ti, sempre, oh, Senhor!
.
.
274: JESUS É A LUZ DO MUNDO
J.T.L. (P.P.Bliss)
1
O mundo perdido em pecado se achou,
Jesus é a luz do mundo;
Mas nas densas trevas a glória brilhou,
Jesus é a luz do mundo!
Coro
Vem para a luz, não queiras perder
Perfeita paz, dum novo viver:
Eu cego fui, mas Já posso ver,
Jesus é a luz do mundo!
2
Nas trevas do mundo já temos Betel,
Jesus é a luz do mundo,
Irás pela luz se tu fores fiel,
Jesus é a luz do mundo!
3
Ó cegos e presos no vale de horror,
Jesus é a luz do mundo,
E manda chamar-vos a ver Seu fulgor,
Jesus é a luz do mundo!
4
Nem sol, nem luzeiros no mundo haverá
Jesus é a luz do mundo,
A luz do Seu rosto ali brilhará,
Jesus é a luz do mundo!
.
.
275: Ó ACORDA, DESPERTA!
P.L.M.
1
Ó acorda, desperta dormente,
Tu que jazes no sono da morte,
E que tens uma tão triste sorte.
Ó desperta por Cristo, o Senhor!
Pois te chama o fiel Salvador,
O Seu sangue na cruz já derramou,
Teus pecados ali aniquilou,
E respondes: “Não quero, Senhor?”
2
O não sabes que teu próprio alento
Vem de Deus, vem a cada momento?
Queres tu despertar num tormento
Que jamais poderá se findar?
Cristo hoje te quer libertar,
Ó desperta-te à voz do Salvador,
Foge logo do abismo de horror,
Que tu’alma procura tragar.
3
Não te importas por teres agora,
A tua alma em negra masmorra?
Em Jesus hoje crê, busca-O e adora,
Pois assim tu terás salvação;
Crendo em Cristo no teu coração,
Paz e gozo por Ele obterás;
E também no céu tu habitarás,
Se recebes agora o perdão.
.
.
276: EM CANAÃ EU ENTRAREI
P.L.M.
1
Em Canaã eu entrarei, no meu país ditoso,
E em Sião habitarei; que paz ali terei
Com meu Jesus! Que gozo! Pois me dará repouso,
Irei cantar, então, nos céus, um hino ao meu Deus!
Coro
Oh! Glória a Jesus, a Jesus, a Jesus!
Oh! Glória a Jesus, ó meu poder e luz!
Os santos reunidos, no reino dos remidos,
Entoarão, enfim, nos céus,
um hino ao bom Deus!
2
Já muitas provas eu passei e lutas bem notórias;
Mas de andar não cansarei, até eu ver o Rei.
Jesus, que dá vitória, me levará em glória,
E entrarei no esplendor do reino do Senhor.
3
Mui breve Cristo voltará;
nas nuvens, vê-Lo-emos;
E o Seu povo levará, e festa haverá;
Ao céu nós subiremos, e lá encontraremos
O nosso caro e bom Jesus, verdade, vida e luz.
.
.
277: SALVO ESTÁS? LIMPO ESTÁS?
P.L.M. (Elisha A. Offman)
1
Tens achado em Cristo plena salvação,
Pelo sangue vertido na cruz?
Toda mancha lava de teu coração,
Este sangue eficaz de Jesus.
Coro
Salvo estás, limpo estás,
Pelo sangue de Cristo Jesus?
Tens teu coração mais alvo que a luz,
Foste limpo no sangue eficaz?
2
Vives sempre ao lado do teu Salvador,
Pelo sangue que mana da cruz?
Do pecado foste sempre vencedor,
Como foi teu bendito Jesus?
3
Terás roupa branca quando vier Jesus,
Foste limpo na fonte de amor?
Estás pronto pra seguir ao céu de luz,
Pelo sangue purificador?
4
Cristo hoje dá pureza e mui poder:
Fita os olhos na cruz do Senhor,
Dela, fonte sai que te enche de prazer,
Que te farta de vida e vigor.
.
.
278: LEVAR A CRUZ
P.L.M. (C.Austin Miles)
1
Vais levando só, e mui cansado,
Tua cruz, tua cruz?
Não sabendo que tens ao teu lado
O auxilio do Senhor Jesus?
Coro
Se tenho cargas, que só não posso levar
Eu peço auxílio ao meu bom Salvador!
Se de cansado não posso mais caminhar,
Eu clamo a meu Jesus, que vem me dar o Seu vigor.
2
Não te esqueças, que só, ao Calvário,
Foi Jesus, foi Jesus,
Onde derrotou o adversário,
Quando por ti sucumbiu na cruz.
3
Só em Cristo, o fiel amigo,
Acharás, acharás,
Escondido, neste bom abrigo,
A paz de Deus, então fruirás.
.
.
279: ALI QUERO IR, E TU?
P.L.M. (Rev. D. Sullins)
1
Jesus me falou dum formoso lugar;
Ali quero ir, e tu?
Aonde os salvos irão desfrutar;
Ali quero ir; e tu?
Pois Jesus as mansões nos foi preparar;
Ali quero ir; e tu?
Aonde a morte não pode chegar;
Ali quero ir; e tu?
Coro
Ao céu quero Ir
Ao céu quero Ir,
Ao céu quero ir; e tu?
Ao céu quero ir;
Não queres tu ir?
No céu quero ver Jesus!
2
As portas são jóias, o mar de cristal;
Ali quero ir; e tu?
É Cristo a luz do país celestial;
Ali quero ir; e tu?
Os que lá vão entrar, jamais morrerão;
Ali quero ir; e tu?
Aonde termina a tribulação.
Ali quero ir; e tu?
3
E quando navegue a nau de Sião,
Ali quero ir; e tu?
Ao dar-se à vela, pra essa mansão,
Ali quero ir; e tu?
Quando vão coroar a Cristo, também,
Ali quero ir; e tu?
E quando os coros disserem: “Amém”.
Ali quero ir; e tu?
.
.
280: Ó JESUS, TE SUPLICO
P.L.M. (M.D´Angelo)
1
Ó Jesus, no Teu caminho,
Te suplico com fervor,
Tem-me mais a Ti vizinho
P’ra gozar do Teu amor.
2
Ó Senhor, ó vem guardar-me
Sob Tua proteção;
Para o céu, ó vem guiar-me
Pela Tua forte mão.
3
Dá-me Teu celeste gozo,
E vitória sobre o mal;
Dá-me a graça, Teu repouso,
Tua paz celestial!
4
Ó Senhor, vem consolar-me,
No Teu divinal amor!
Tua vida queiras dar-me,
Meu amado Redentor!
.
.
281: VEM SEM TARDAR
P.L.M.
1
Vem a Cristo, sem tardar,
Não te queiras recusar,
Ó amigo, vem depressa a Jesus!
Vem das trevas para a luz,
Cristo quer te consolar,
Vem a Ele, ó perdido, sem tardar!
Coro
Sem tardar, vem sem tardar;
Sem tardar, vem sem tardar.
O aceita a salvação,
No teu pobre coração,
Jesus Cristo te convida: “Sem tardar”.
2
Vem a Cristo, sem tardar,
Um tesouro te quer dar;
Ele quer te conceder real perdão;
Cristo vê teu coração,
Tua alma a soluçar;
Vem a Ele, ó perdido, sem tardar!
3
Vem a Cristo, sem tardar,
Com Seus dons te quer fartar,
Com riquezas que jamais se perderão.
Vem, estende a tua mão,
Cristo quer te perdoar!
Vem a Ele, ó perdido, sem tardar!
4
Vem a Cristo sem tardar,
Tua tenda vem firmar
Sobre a rocha que do mal te guardará;
O receio larga já,
Vem pra Cristo te salvar;
Ele mesmo te avisa: “Sem tardar”!
.
.
282: QUE SANGUE PRECIOSO
P.L.M. (Wm.J. Kirkpatrick)
1
Que sangue precioso
Saiu do Salvador!
Oh sangue glorioso,
Que lava o pecador!
Coro
Sim, o sangue que Jesus
Na cruz derramou;
Sim, o sangue de Jesus,
Meu coração Ia vou!
2
Irmãos, nos recordemos
Que o sangue nos lavou
Alegres, jubilemos
Seu sangue nos comprou!
3
Na glória está sentado,
Jesus, meu Redentor!
No trono coroado,
O meu intercessor!
4
Por que assim resistes
Ao meigo Salvador?
Aceita o Seu convite
Pras bodas de amor.
.
.
283: O PASTOR E AS OVELHAS
P.L.M. (Wm.J. Kirkpatrick)
1
Ama o Pastor as ovelhas,
Com um amor paternal,
Ama o Pastor seu rebanho,
Com um amor sem igual;
Ama o Pastor inda outras,
Que desgarradas estão,
E comovido as procura,
Por onde quer qu’elas vão.
Coro
Pelos desertos errantes,
Vêem-se a sofrer penas mil,
Ele ao achá-las, nos ombros
Leva-as dltoso, ao redil.
2
Ama o Pastor seus cordeiros,
Com inefável amor,
Aos que, às vezes, perdidos,
Gemendo se ouvem de dor.
Vede o Pastor comovido
Pelas colinas vagar,
E os cordeiros nos ombros,
Vede-O, levando ao lugar.
3
Ama as noventa e nove,
Que no redil abrigou;
Ama a que, desgarrada.
No campo se desviou;
“Ó minha ovelha perdida!”
Clama o dolente Pastor;
Quem irá em sua ajuda,
Para salvá-la, Senhor?
4
São delicados teus pastos,
Mui quietas tuas águas são;
Eis-nos aqui. ó bom Mestre,
Dá-nos veraz direção,
Faz-nos obreiros zelosos,
Enche-nos de santo amor,
Pelas ovelhas perdidas
Do Teu redil, bom Senhor.
.
.
284: BENDITO CRISTO, EIS-ME AQUI
P.L.M. (Wm. Bradbury)
1
Tal como sou, vou decidir,
Que a outro eu não posso ir;
Pois me convidas para vir,
Bendito Cristo, eis-me aqui.
2
Tal como sou, sem demorar,
Do mal, querendo me livrar;
Só podes Tu me perdoar:
Bendito Cristo, eis-me aqui.
3
Tal como sou, em aflição,
Exposto à morte, e perdição,
Buscando vida e perdão,
Bendito Cristo, eis-me aqui.
4
Tal como sou, Teu grande amor
Me vence, e busco Teu favor,
Servir-Te quero com valor,
Bendito Cristo, eis-me aqui.
.
.
285: TU ÉS O MEU GOZO
P.L.M. (D.B.Towner)
1
Senhor, pela fé me sustento
Na graça, nos Teus mandamentos,
Que operam a cada momento,
No meu coração, salvação!
Coro
Tu és o meu gozo,
Senhor, o meu manancial de amor;
Irei Te louvar para sempre nos céus,
Bem perto do trono de Deus!
2
A graça de Deus recebida,
Encheu-me de gozo, de vida,
E sempre a mim é concedida
Por nosso Senhor, Redentor!
3
De bênçãos oh! vem me inundando,
O meu coração inflamando,
Também meus pecados queimando,
De todo meu ser, com poder.
.
.
286: NÃO TARDA VIR JESUS!
P.L.M.
1
Ó Jesus, nesta terra,
Há só tristeza e dor;
Os Ímpios fazem guerra
Aos santos do Senhor.
Coro
Cristo volta
Em fulgurante luz;
O mar já se revolta,
Não tarda vir Jesus!
2
Do mundo nós não somos,
Mas do Senhor Jesus;
Remidos todos fomos
Com sangue, lá na cruz!
3
No mundo tenebroso
Não vamos descansar,
Mas para o céu, de gozo,
Queremos já voar!
4
Olhamos para cima
Donde virá Jesus;
Pois isto nos anima
Para viver na luz.
.
.
287: OH, FOI O SANGUE
I.A. (C.H.Morris)
1
Oh, foi o sangue do Senhor
Que me salvou, sim, me salvou;
Sim, este sangue tem poder,
De toda a mancha me lavou.
Coro
Jesus pra todos tem poder e salvação,
Meu amigo, a Ele vem, aceitando a remissão;
Glória ao Salvador! Glória ao meu Jesus!
O Seu sangue me salvou!
2
Oh! maravilha de amor
A mim mostrou, sim, me mostrou;
Jesus sofreu tão grande dor.
E tua vida resgatou.
3
Em mim não há poder algum
Mui débil ‘stou, mereço dó.
Mas por Jesus eu vencerei,
Ainda que eu seja pó.
4
Meu Pai me deu o Consolador,
Pra me guiar, me iluminar,
Jamais temerei o tentador,
Jesus sempre há de me guardar.
.
.
288: A PALAVRA DA CRUZ
S.N. (J. McGranahan)
1
Da cruz, a palavra é fiel,
Aleluia! Aleluia!
Chamando aquele que é infiel,
Aleluia! Aleluia!
Qualquer temporal pode vir,
A mensagem mui firme ‘stá:
Que Jesus veio nos remir,
Pela morte sobre a cruz.
Coro
Aleluia! Aleluia! A palavra da cruz é poder.
Aleluia! Aleluia! Para quem em Cristo crer.
Aleluia! Aleluia! A palavra da cruz é poder.
Aleluia! Aleluia! Para quem em Cristo crer.
2
Morrendo por nós lá na cruz,
Aleluia! Aleluia!
Vitória nos ganhou Jesus,
Aleluia! Aleluia!
Ali o Cordeiro de Deus
Veio a graça do céu raiar!
Nos salvou quem veio dos céus,
Pela morte, sobre a cruz.
3
Não me envergonho da cruz,
Aleluia! Aleluia!
Pois deu-me vida, deu-me luz,
Aleluia! Aleluia!
O caminho pra o céu se abriu,
Para todo o vil pecador,
Quando Cristo nos redimiu,
Pela morte sobre a cruz.
.
.
289: SOB O SANGUE TEU
P.L.M. (Wm.J.Kirkpatrick)
1
Asperge hoje meu coração,
Com sangue Teu, ó Redentor!
Liberta-me da vil tentação,
Com sangue Teu, Senhor!
Coro
Sob o sangue Teu, Senhor,
Guarda-me da corrupção’
Sob o sangue expiador,
Eu tenho proteção!
2
De todas dúvidas, do temor,
No sangue Teu, vem me lavar,
Dos males do grande tentador,
O queiras me livrar!
3
Refúgio acha o pecador,
No sangue Teu, ó meu Jesus;
Asperge-me sempre, ó Senhor,
No sangue, lá da cruz!
4
O vem me enchendo do Teu vigor,
Pelo manar do sangue Teu;
Fazendo-me mais que vencedor,
Pelo poder de Deus.
5
Concede-me a perfeita paz,
Por Tua cruz e sangue Teu;
Com ricos dons, ó me satisfaz,
E faz-me ver o céu.
.
.
290: TEU ESPÍRITO VEM DERRAMAR
S.N.
1
Ó Senhor, nós esperamos
Que escutes a oração;
Nós, Teus servos, já clamamos,
Com humilde coração.
Coro
Teu Espírito, vem, derrama,
Sobre cada coração!
E no crente, que a Ti clama,
Vem, confirma a petição.
2
Deixa o fogo do Espírito,
Sim, nos corações arder,
P’ra que tudo que é finito,
Jamais possa se reter.
3
Ó Senhor, me purifica,
Tira o mal que está em mim,
A minh’alma santifica,
E me guarda até o fim.
4
Dá-nos mais da Tua graça,
E enche-nos do Teu poder,
Do Teu templo, ó Deus, se faça
A Tua voz se perceber.
5
Dá-nos dons do Teu Espírito;
Faz milagres, ó Senhor,
Pra que tudo, que tens dito,
Cumpra-se, meu Redentor.
Coro Final
Dou-te graças, Rei da glória,
Pois ouviste a petição;
Belos hinos de vitória,
Mais Tu deste ao coração.
.
.
291: A MENSAGEM DA CRUZ
A.A. (Geo. Bennard)
1
Rude cruz se erigiu,
Dela o dia fugiu,
Como emblema de vergonha e dor;
Mas contemplo esta cruz.
Porque nela Jesus
Deu a vida por mim, pecador.
Coro
Sim, eu amo a mensagem da cruz
Té morrer eu a vou proclamar;
Levarei eu também minha cruz
Té por uma coroa trocar.
2
Desde a glória dos céus,
O Cordeiro de Deus,
Ao Calvário humilhante baixou;
Essa cruz tem pra mim
Atrativos sem fim,
Porque nela Jesus me salvou.
3
Nesta cruz padeceu
E por mim já morreu,
Meu Jesus, para dar-me o perdão
E eu me alegro na cruz,
Dela vem graça e luz,
Para minha santificação.
4
Eu aqui com Jesus,
A vergonha da cruz
Quero sempre levar e sofrer;
Cristo vem me buscar,
E com Ele, no lar,
Uma parte da glória hei de ter.
.
.
292: QUAL O PREÇO DO PERDÃO
P.L.M. (Robert Lowry)
1
Qual o preço do perdão?
Só o sangue de Jesus Cristo.
O que limpa o coração?
Só o sangue de Jesus Cristo.
Coro
Qual o poder real
Que limpa todo o mal,
E dá paz divinal?
Só o sangue de Jesus Cristo.
2
Fez resgate eficaz
Só o sangue de Jesus Cristo.
Deu-nos santidade e paz.
Só o sangue de Jesus Cristo.
3
Sempre pode me curar,
Só o sangue de Jesus Cristo.
E do mal me libertar.
Só o sangue de Jesus Cristo.
4
Lã no céu, eu vou cantar:
Só o sangue de Jesus Cristo.
Deu-me graça para entrar.
Só o sangue de Jesus Cristo.
.
.
293: JESUS NO CALVÁRIO
S.N. (A.L.Skoog)
1
Jesus no Calvário, por mim sofreu
A morte da maldição;
Minh’alma ganhou, com o sangue Seu
O preço da redenção.
Do alto da cruz, Jesus exclamou:
“Consumado está”, ao espírito rendeu;
O sangue verteu, a me expiou,
Unindo-me ao povo Seu.
2
Na cruz do Calvário, a cédula foi
Cravada que Ele riscou.
O véu se rasgou, a porta se abriu,
Aberta p’ra Deus ficou.
Sobre a cruz eu morri, com Cristo Jesus;
O meu “ego” falaz sobre o lenho levou.
A noite fugiu, e raiou a luz!
Por Cristo eu salvo estou.
3
Na cruz do Calvário, ao mundo morri;
Aqui um estranho fiquei;
Não vivo mais eu, com Cristo me uni;
Que vida excelsa achei!
O Cordeiro de Deus minh’alma nevou;
O sangue pascoal a culpa tirou,
O destruidor minh’alma passou, S.N.
Em Cristo liberto estou.
.
.
294: EU VOU COM JESUS
J.T.L. (B.D.Ackley)
1
Mui triste em pecado, vagava sem luz,
Mas já vivo alegre, pois a Cristo achei,
Em todos os dias, eu canto a Jesus,
Eu sigo com Cristo, meu Mestre, meu Rei.
Coro
Eu vou com Jesus; Aleluia!
Eu sigo com Cristo, o Rei;
Não vago Jamais, eu quero seguir
A Cristo Jesus, o meu Rei.
2
Por anos e anos, sem Cristo, a sós,
Eu nunca, no mundo feliz me achei;
Mas já com as aves elevo a voz,
E canto feliz, pois eu vou como Rei.
3
Ó alma que vivas no vala sem luz,
Se olhas pra cima, verás um farol;
Ó sobe depressa, vem já pra Jesus;
De Cristo, a luz brilha mais que o sol.
.
.
295: NOVO CANTO DE LOUVOR
E.K. e E.C. (Alan Tornberg)
1
Novo canto de louvor,
Canta já meu coração;
Hino de paz a de amor,
Que me traz consolação.
Coro
Ouve quão doce e o louvor,
Ao Cordeiro divinal!
Jesus, canto inspirador,
Harmonia angelical
2
Canto hinos de louvor,
Porque Cristo me salvou
Deste mundo enganador;
Sobre a rocha me firmou.
3
Este canto novo é
Cada noite que passar;
Sombras dão lugar à fé,
Se a Deus louvor cantar.
4
Quando o coração vibrar,
Os acordes lá do céu,
E da rola a voz soar,
No jardim do nosso Deus.
5
Quando meu Jesus voltar,
E levar-me com os Seus,
Inda eu irei cantar,
Este hino lá nos céus.
Coro Final
No céu, hino de louvor,
Canta a grande multidão.
Vinde às bodas de amor,
Ao banquete do perdão.
.
.
296: NO JARDIM
E.C. (J.H.Filmore)
1
No jardim. Jesus Cristo clamava,
Quando os ímpios O foram prender;
E falando co’o Pai suplicava,
Pelo cálice que ia beber.
Coro
Com Jesus a min’alma deseja estar
No jardim, em constante oração;
Quando a noite chegar, e o mal me cercar,
Quero estar em constante oração.
2
Qual orvalho que dá vida às flores,
Assim é para o crente a oração;
Meus cuidados, tristezas e dores,
Cristo as sabe por minha oração.
3
Jesus teve completa vitória,
Porque sempre viveu em oração,
Muitos santos chegaram à glória,
Sob o manto da doce oração.
4
Renovados em forças seremos,
Nós teremos u’a nova unção;
E com Deus, no jardim falaremos,
Se vivermos sempre em oração.
.
.
297: ABUNDÂNCIA DE CRISTO
E.K. e E.C. (Allan Tornberg)
1
Desde que Jesus deu-me Sua luz,
Posso jubilar, cantar;
Ao meu coração trouxe salvação
Que eu não posso te explicar.
Coro
Abundantemente Cristo dá,
Graça, que não há igual, não há;
Aleluia, glória ao nome Seu!
Que alegria Sinto eu!
2
Desde que na cruz contemplei Jesus,
Meus pecados dissipou;
Tenho grande paz e perdão veraz,
Quando a Seus pés estou.
3
Lá da cruz provém, um caudal também,
Que ao cansado forças dá;
E das chagas vem o perdão, pra quem
Mui sedento e fraco está!
4
Grato, então, darei glória a Cristo,o Rei,
Pelo gozo que é sem par;
Em continuação, o meu coração,
Inda mais vai se alegrar.
.
.
298: AVANTE, SERVOS DE JESUS
P.L.M.
1
Avante, servos de Jesus, por nosso Deus;
Nas trevas brilhe vossa luz, a luz lá dos céus.
Coro
Glória a Deus, pois vencerei,
Glória a Deus, pois vencerei,
Triunfante sigo, levando a cruz!
Glória a Deus, pois vencerei,
Glória a Deus, pois vencerei,
Em nome de Jesus!
2
Levanta ,Josué pendão. com mui valor;
E o inimigo foge, então, com grande pavor.
3
Sai com trezentos Gideão, a combater;
Os midianitas logo vão a guerra perder.
4
Golias mui soberbo está, zomba de Deus.
Mas vem Davi, e nele dá, com ajuda do céu.
5
Cerrai fileiras, ó fiéis, sempre avançai;
No céu coroas e lauréis, Jesus vai nos dar.
.
.
299: HÁ UM CANTO NOVO
P.L.M. (L.B.Bridgers)
1
Há um canto novo no meu ser,
É a voz de meu Jesus,
Que me chama: ‘Vem em mim obter
A paz, que eu ganhei na cruz”.
Coro
Cristo, Cristo, Cristo, nome sem igual;
Enches o contrito, de prazer celestial.
2
Preso no pecado eu me achei,
Sem paz no meu coração;
Mas em Cristo eu já encontrei
Doce paz e proteção.
3
Tenho Sua graça divinal,
Sob as asas de amor,
E riquezas que fluem em caudal,
Lá do trono do Senhor.
4
Pelas águas fundas me levou,
Provas muitas encontrei;
Mas Jesus bendito me guiou
Por Seu sangue vencerei.
5
Cristo, numa nuvem voltará,
Baixará do céu em luz;
Pelo Seu poder me levará,
Pra Seu lar, o bom Jesus.
.
.
300: NOSSA ESPERANÇA
A.S. (Mrs. C.H.Morris)
1
Jesus, sim, vem do céu, em glória Ele vem!
Ecoa a nova pelo mundo além;
Oh esperança que a Sua Igreja tem!
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!
Coro
Nossa esperança é Sua vinda
O Rei dos reis vem nos buscar;
Nós aguardamos, Jesus, ainda,
Té a luz da manhã raiar.
Nossa esperança é Sua vinda
O Rei dos reis vem nos buscar;
Nós aguardamos, Jesus, ainda,
Té a luz da manhã raiar.
2
Jesus, sim, vem, os mortos esperando estão;
O gran momento da ressurreição
E do sepulcro em breve se levantarão!
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!
3
Jesus, sim, vem do céu cercado de esplendor,
Aniquilando a corrupção e a dor,
Quebrando os laços do astuto usurpador,
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!
4
Jesus, sim, vem, completamente restaurar
O mundo que se arruína sem parar;
Sim, todas as coisas vem depressa transformar
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!
5
Jesus, sim, vem, e sempiterna adoração
Daremos nós ao Rei de coração;
Ao grande autor da nossa eterna salvação,
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. 19/02/2011 às 22:32

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: